domingo, 19 de janeiro de 2014

Confissões da madrugada #10

Yo minna! Especialistas recomendam que vocês não sejam patéticos e me acha uma pessoa besta com esse post.

Recebi uma notícia ontem não muito esperançosa, percebi que meu quase trabalho meio duro não custou nada, tudo escorreu pelos espaços dos dedos das mãos. Não passei no IFBA, eu já esperava isso, mas em últimos momentos com todos me encorajando eu tive um pouco de fé e acabei ficando um pouco triste, mas me afetou mais saber que uma das minhas amigas vai seguir rumo diferente de mim, mas estou muito, mas muito feliz por ela(ela passou). Eu só queria estar aproveitando com ela também.
 Mas nem tudo tem só o lado ruim, pois acabei ficando na companhia de outros amigos e sei que ela não vai me esquecer porque mudou de colégio, pois eu passei por isso com Carol e hoje continuamos amigas. Metade da sala vai ficar com saudade dela, isso eu sei, quando a professora perguntar sobre o assunto dado, quem vai responder? Era sempre ela(eu e o resto somos muito preguiçosos e burros), ela sempre queria ajudar, até mesmo que não gostava dela. 
 Talvez eu passe na segunda chamada, ou nós podemos marcar dias para se ver, ou podemos nos reencontrar outro qualquer dia, mas independente disso ela sempre será minha amiga.
 Além disso minha cabeça está uma loucura, com tudo isso acontecendo, e  algumas coisas de segundo plano acontecendo, parece que com um empurrão tudo vai desabar e é claro, na minha cabeça, talvez eu leve na esportiva, talvez eu ligue. "Talvez" é uma palavra muito usada por mim, gostaria de usar a palavra "Quando" mais vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário